Mensagens

A mostrar mensagens de Julho, 2012

Viciada

Imagem
No Instagram. A "seguir" as fashion bloggers. Para quem não sabe é uma espécie de Twitter, mas só com fotos. Lindo!

Bijuteria da semana #5

Imagem
Este colar comprei-o na H&M por 9,90€.
Fica lindo com partes de cima (Camisas, T-shirts, tops) de cores escuros para sobressair a cor vibrante do colar.
Adoro-o.

Cinema #26

Imagem
Estava um pouco reticente ao ir ver este filme. Pensei: "Um urso a falar com os humanos??? Pelo amor da Santa!" Lá me convenceram e fui. Não me arrependi nada. Não vejo o Family guy, mas para quem vê, dizem que é do mesmo estilo: muitas piadas sobre celebridades americanas e situações caricatas ao longo do filme. Com um urso falante também não era de esperar outra coisa, certo?
Vão ver. Recomendadíssimo!

Perguntinha

Hoje o dia de trabalho vai custar muito a passar, não vai?

Cinema #25 *SPOILER*

Imagem
Confesso que fui ver por causa do Channing Tatum. Gosto! O que é que hei-de fazer? Pode ter ar de chunga, que tem um bocadinho, mas gosto dele. lol Mas também fui ver o filme porque em muitos comentários que li, diziam que o filme não era só uma cambada de homens a roçarem-se uns nos outros e no varão, que a história era muito interessante, que era a luta de um homem que queria muito mais da vida do que andar a rebolar em cima de um palco para as senhoras verem. Tretas! Não vão nessa cantiga! Aqui estou eu para repor a verdade! A história não tem ponta por onde se pegue. Ele fica com a rapariga ao fim e desiste de ser stripper, mas não há nenhuma relação entre eles ao longo do filme sem ser a de conhecidos, porque ela é irmã do puto, a quem ele arranjou trabalho como stripper também. Vê-se ali uma tentativa de iniciar um negócio de design de móveis, mas quando o banco lhe recusa o crédito, ele não faz mais tentativas para muda de ramo profissional.
E pronto é isto, o filme. De qualq…

Fossem todos os fins de tarde assim...

Ontem meti na cabeça que ao fim do dia ia fazer uma caminhada.
Já não fazia há imenso tempo e faz-me falta o exercício físico, acima de tudo, mas também, quando vou sozinha, ficar com os meus pensamentos e a música.

Cheguei a casa... e a barriga começou a reclamar o jantar... o sofá olhou para mim com olhinhos de carneiro mal morto, mas eu virei-lhes costas, troquei de roupa o mais rapidamente possivel e saí de casa, antes que mudasse de ideias.

E meus amigos... foi a melhor decisão que eu tomei!

Adorei a caminhada, a música e as vistas... as vistas Meus Deus!!!
Não as vistas naturais, entenda-se, mas as vistas humanas!!!!!

Hoje quem vai outra vez?
Tenho esperança que as vistas sejam as mesmas de ontem...
Cross your fingers!!!

Dos outros

Em conversa com uma colega de trabalho, respondia à pergunta dela sobre os saldos, que não estavam grande coisa e que só tinha comprado uns sapatos na Pull & Bear, que já andava de olho há imenso tempo.

Vem de lá outra colega, mete-se na conversa e pergunta-me: "Faltava-te essa cor, era?"

Já falei aqui sobre este assunto várias vezes, porque isto continua a irritar-me solenemente... Ainda não consegui deixar de me irritar e dar a volta à questão e isso ainda me dana mais!

Mas o que é que ela tem a ver com o dinheiro que gasto ou que deixo de gastar? Manda, por acaso, no meu dinheiro? O que é que contribui para a felicidade dela se eu tenho sapatos de todas as cores, que existem no mundo?

Já há algum tempo que não acontecia uma situação destas... já estava a demorar...

Que mer**!!!!

Insólito

Aconteceu na passada 6ªF...

Ia em direcção ao meu carro no estacionamento, quando passo por um carro semelhante ao meu e penso: " Eh lá, aquele carro é igual ao meu.... ah não é não, porque tem os puxadores (?) das portas diferentes...".
Começo a ouvir um barulho do trancar e destrancar das portas, mas não liguei.
Quando chego junto ao pé carro está lá uma senhora em frente a ele com o comando na mão a tentar abrir o meu carro....
Percebi o que estava a acontecer e disse-lhe: "Olhe o seu carro é aquele, este é meu!"
lol
A mulher, morta de vergonha, passa por mim com os olhos pregados no chão e murmura um "desculpe".

Muito bom...

E isto não é nada

Só mora gente maluca no meu prédio, à excepção da minha pessoa, obviamente...

Então não é, que entre outras situações que acontecem regularmente, ontem tinha a minha vizinha de baixo a tocar à campainha às 7h da manhã.

Meus senhores... às 7h da manhã!!!!!!!

Eu acordo um pouco antes disso, e até "compreendo" que a mulher "me oiça" lá em baixo a andar pela casa e a preparar-me para o trabalho, mas é inadmissível ela tocar à minha campainha por causa de uma toalha presa no estendal dela a perguntar-me se era minha às 7h da MANHÃ!!!!!!!!!


Será que não podia falar comigo ao fim do dia quando chegasse eu do trabalho? Qual era a urgência?~Ela que dá sempre conta de eu sair e entrar e sair e entrar em casa. Qualquer dia está a bater à minha porta a dizer-me "Olhe lá menina, você não pára em casa, heim?"
Ela quase que me faz adeus todos os dias de manhãs, quando está à janela (?????) e eu estou a sair para o trabalho...

Pel' amor da Santa...

As férias e outras coisas

Não, ainda não estou de férias, mas é tudo em que penso.

Ainda faltam uns tempos, embora há muito que começou a contagem decrescente na minha cabeça.

Vou ter 2 semanas e depois mais tarde outras 2.

Não ter horários, poder ficar a noite toda a ver filmes, ir tomar o pequeno-almoço de manhã à Pastelaria e ler as revistas das cusquices (adoro!), ir à praia só umas horinhas de manhã, dormir a sesta à tarde, ler livros, livros e mais livros, ir passear por sítios nunca antes "conhecidos", vestir qualquer trapinho, não maquilhar-me, amarrar o cabelo e sair de casa não me importando com isso...

Este ano, infelizmente não vou para lado nenhum, isto é, vou à terra um fim-de-seamana para o casamento da minha prima, sou capaz de dar um saltinho ao Alentejo, mais propriamente à Comporta, mas de resto vou ficar mesmo por casa... é que 4 pneus para o carro em Setembro, são a prioridade... tem que ser...

A minha aluna do exame nacional de Português teve 13.
Não é o que eu gostaria, mas saf…

Regresso ao Passado #1

Imagem
Sou uma saudosista... por isso, ontem o serão foi passado a ver o primeiro desta saga.
Que maravilha...

Olha-me este!

Ontem o meu chefe não apareceu no escritório.

Vi a agenda, que não tinha nenhum compromisso que justificasse não ter vindo de manhã, mas pensei: "Ele vem à tarde"

À tarde continuou sem aparecer, nem dar noticias. As pessoas perguntavam-me por ele... e eu sem saber o que dizer.
Fui-me embora preocupada, porque não é normal ele não aparecer e não avisar com antecedência ou telefonar a perguntar se há mensagens para ele.
Só pensava que tinha acontecido alguma coisa grave e repentina e que ele não conseguiu dizer nada.

Hoje... aparece-me aqui todo airoso... nem água vai, nem água vem... e eu ontem preocupada por causa dele.

Sou mesmo estúpida, é o que é!



Cinema #24

Imagem
Um filme levezinho com 2 grandes actores na comédia.
Tem peripécias engraçadas e consegue arrancar algumas gargalhadas.
1h30 de serão bem passado.

Cinema #23

Imagem
Não vejam!
A sério!
É a história da Branca de Neve de baixo nível e sem piadinha nenhuma.
Personagens parvos, situações parvas.
Não recomendo!

Os dois últimos dias...

... foram surreais.
Desde o jantar de aniversário de uma amiga, a que fui na 6ªF, que foi num restaurante/bar e que foi animado por quem? Por quem? Querem saber?
Pois... eu nem vos peço para adivinhar, porque nem mortos chegavam lá...
Ora, "portantos", o jantar foi animado pelo Quinzinho de Portugal.
Pois foi... E vocês a pensarem que ele já tinha dado as últimas. Pois não, está vivinho da silva e foi uma animação o jantar de 6ªF, que vocês nem imaginam (not).
Nós a jantar e o homem a contar anedotas porcas, a sério, mas daquelas ordinárias, do mais baixo nível, que consigam imaginar.
Sim, foi.
Havia crianças na sala e ele continuou, entretanto fazia pausas para cantar as músicas dele(?), que continuavam com o baixo nível.
Conclusão: ficámos todos para lá de traumatizados com aquela situação surreal.

Passando pelas noites que os meus vizinhos de cima "me deram".
São uns queridos, é o que eles são.
De sexta para Sábado, tenho a sensação que o meu coração parou do s…

Verniz da semana #3

Imagem
Este vai ser o verniz escolhido para esta semana.
É mais uma cor pastel da Cliché, que podem encontrar em qualquer loja chinesa por €1.
É tudo de bom que referi ali no post de baixo.
Chama-se Bali e faz parte da colecção das ilhas paradisíacas e o coral vai tão bem com o Verão.

Vernizes da semana #2

Imagem
Estes vernizes já são da semana passada, mas aqui vão:

Verniz rosa(?) da Sinful Colors à venda nas Perfumarias Douglas por €5,95 nos pés.
Tem um efeito fosco e parece ser fluorescente.
A sério.
Quando acabei de pintar e olhei para os meus pés brancos, como a cal da parede, e com este verniz pensei: "Eu não consigo usar isto!!!! É demasiado berrante!"
E logo eu que adoro cores berrantes e misturas de cores llloooll mas realmente fica demasiado chamativo.
Acabei por não o tirar das unhas e habituei-me.
Agora acho lindo!!!!
Tanto, que vou continuar a usá-lo nesta semana.

Verniz azul pastel da Cliché, à venda em qualquer loja chinesa por €1, nas mãos.
Adoro os vernizes desta marca, porque é uma marca portuguesa, são baratos e acessíveis, têm cores lindas e da moda, a pigmentação é muito boa e são fáceis de passar na unha.
Este chama-se Seychelles, é da colecção de Verão com nome de ilhas paradisíacas.


Bijuteria da semana #4

Imagem
Claro que tinha que comprar este colar da Zara.
Acreditem que foi uma busca intensa, porque ao que parece é bastante popular.
Ainda fiquei muito indecisa entre o amarelo e o rosa, que também é lindo, mas pronto lá veio o amarelinho comigo para casa.
Custou €12,95.

Estou de olho noutros colares da Zara, será que vão para promoções também???' Hum... era óptimo, mas não me parece.

Bijuteria da semana #3

Imagem
Como no fim-de-semana passado não tirei fotos, aqui vai a peça da semana que passou.

Este colar é da Mango, custou €5,95 e comprei-o logo quando começaram as promoções, por isso é que ficou a um preço bastante acessível, era mais caro (não me recordo do preço inicial).