Mensagens

A mostrar mensagens de Fevereiro, 2012

Vestidos dos Óscares 2012

Imagem
Obviamente que também não podia deixar de registar aqui os meus "bitaites" sobre as modas nesse grandioso evento que são os Oscares.
Um dia vou tirar a 2ªF de férias e passar a noite a ver em directo a cerimónia. Isso é que era... Há anos que digo isto... mas enfim... a esperança é sempre a última a morrer.

Ora aqui vai:

Gosto da combinação branco na parte de cima e preto na parte de baixo, mas a zona ali da cintura é estranha. Não me convence.

O vestido, na minha opinião, é lindo, lindo, lindo. Sem dúvida digno de uma noite de Óscares, mas Giuliana filha, vê lá se engordas um "poucachinho".

Não sei se gosto ou odeio. Mix feelings.

Tão gira a miúda e leva-me um vestido de velha.

Ferreros Rochers rocks!!!

Quem diria que o verdadeiro cabelo desta senhora é assim. Afinal andou a enganar tudo e todos com a cabeleira que levou às outras galas! lol Gosto muito da Viola Davis e gosto muito da cor do vestido, mas o modelo não me convence.


O meu preferido da noite! P'l…

F****-**

O meu passe passou a custar uma quantia com 3 dígitos...
Tenho que arranjar maneira de pagar menos... o problema é que passo a demorar mais tempo a chegar ao trabalho...

So true...

Fico feliz com as segundas-feiras...
Tenho trabalho.
Conheço muitos que não têm.

Será que só me acontece a mim?

Estávamos os dois a ver onde estava o papel encravado na impressora.
Eu abria compartimento, fechava compartimento, tirava peça, punha peça,  eis senão quando que ele se inclina e eu ao fechar a gaveta da impressora, prendo-lhe a gravata.

Eu fiquei completamente encavada a pedir-lhe desculpa e ela a rir-se e a dizer: "esta foi engraçada!"

E pois que é isto... estas situações estão sempre a acontecer-me...

Resiliência

A palavra-chave, o conceito fundamental.

So true...

Imagem
Imagem vista algures por essa blogosfera

Eu fui!

Imagem
Foto retirada da net
Passei um friiiiiooooooooooooooooooooooooo!
Mas valeu a pena!

Escreve direito por linhas tortas

Quando andava na faculdade e principalmente quando acabei o curso, arrependi-me várias vezes de não ter escolhido o curso de Línguas com as variantes Português e Inglês.
As razões: porque era muito mais fácil, o Inglês era uma língua que dominava muito bem e principalmente porque havia muito oferta de trabalho na área da língua Inglesa, nomeadamente para explicações, que era o que me interessava.

Hoje em dia tenho a certeza que tirei o curso certo. O alemão é uma língua, difícil sim, mas que com empenho e estudo se consegue dominar, porque não há muita gente que esteja habilitada para dar aulas/explicações e finalmente porque está a ter muita procura actualmente. Claro que as ofertas de emprego na Alemanha e o estado da nossa nação muito contribuiram para isso. O que faz de mim uma das supra sumos da "batata doce", isto é, do alemão e que por isso tenho mais uma aluna, a quem vou dar explicações, com o objectivo de melhorar o currículo para conseguir emigrar e empregar-se …

Cinema #8

Imagem
Este é um belo filme para quem quer ir ao cinema, mas está com sono ou cansada.
É que o filme não dá um momento de descanso. Ele é fugas, perseguições, lutas, tiros... é tudo ao molho e fé em Deus.
O Denzel Washington é sempre o Denzel Washington, uma interpretação irrepreensível, agora o Ryan Reynolds... não sei. Eu adoro o Ryan Reynolds, mas sinceramente acho que ele não se adequa a este tipo de filmes. Tem cara de bebé chorão, é impossível ele conseguir, ou aliás, os espectadores interpretarem a cara dele como sendo de mau ou séria. Acho que ele se enquadra mais em comédias. Não sei... é só a minha opinião.
O filme trata essencialmente sobre a CIA, a traição de um dos agentes e perseguição do mesmo por causa de um ficheiro, que contém os nomes de todos os traidores da Agência, inclusivamente muitos deles, ocupam actualmente posições de grande poder.
Tem suspense, acção, drama.
Vê-se bem.

Recomendo.

Cinema #7

Imagem
Como já disse aqui não sou grande fã de filmes de vampiros e lobisomens e sangue... logo não sou fã desta saga.
De qualquer forma como vi o primeiro filme em casa de uma amiga, que me "obrigou" a ver o primeiro filme, o Crepúsculo, num dos serões que passei em casa dela, decidi ver a continuação da história.
Ontem este... Ora bem, nem sei o que lhes diga... lá continua a história a relação amorosa de uma humana. Neste filme eles casam e vão em lua-de-mel. Ela engravida automaticamente, mas como ela continua a ser humana, está ali com um problema bicudo de resolver lllooll
O filme acaba num momento importante e imagino que para os fãs da saga seja "doloroso" ter que esperar pela 2ª parte.
Claro que já devem ter lido os livros e já sabem como vai acabar, mas ver como passaram a história da literatura para o cinema deve ser sempre curioso.

Pois, que cá fico à espera do último filme da saga. Não gosto de coisas incompletas.

Cinema #6

Imagem
Pelo título parecia-me algo a ver com o controlar o destino e não me enganei. O tema tem essencialmente a ver com as eternas perguntas do ser humano: temos ou não temos a capacidade do livre-arbítrio? Está o nosso destino já marcado quando nascemos? Ou somos livres de tomar as nossas próprias decisões? Há alguém que nos controla e nos influencia de alguma maneira? Um pouco fantasiado o filme e com romance à mistura, mas umas proporciona umas boas 2 horas de entretenimento.
Recomendo.

Cinema #5

Imagem
O filme não vale um caracol!
Só vi pelas 3 expectaculares actrizes que desempenham os papéis principais, Emma Stone, Viola Davis e Octavia Spencer, que espero, sejam reconhecidas com algum prémio na Gala dos Óscares.
São elas que enriquecem o filme, porque no que diz respeito à história, está muito distorcida do que realmente é o livro.
Eu percebo a palavra "baseado", percebo que é um filme e que tem duração limitada, e que por isso tem que se abreviar certas situações ou mesmo saltar outras, mas por favor.... conseguiam fazer muito melhor do que o que fizeram.
Fiquei mesmo desiludida com o filme. Não tem, nem de longe, a intensidade que a história transmite no livro.

Recomendo a leitura do livro e do filme, não vejam só o filme, ficam a perder e muito.

Isto está sempre a acontecer-me

Penso sempre na roupa que hei-de vestir 10m antes de sair de casa e claro que coisa feita depressa e bem não resulta não é?

Depois sinto-me mal o dia inteiro, como hoje, que estou toda "mal amanhada" e super desconfortável.

Já fiz várias promessas, inclusivamente aqui, que iria fazer uma tabela de roupa para os 5 dias da semana, mas não há meio de concretizar a promessa.

E depois dá nisto...

E eu que tenho tanta roupa... realmente não há desculpa!

As Serviçais - O livro

Imagem
MA-RA-VI-LHO-SO!!!!!!!

Adorei! Sem passagem pela casa partida, segue já para a minha lista de livros preferidos de TODO O SEMPRE.
A história é-nos dada a conhecer pela voz de 3 personagens: Skeeter, uma mulher branca de 24 anos, que regressa a casa da faculdade e descobre que a criada negra que a criou foi-se embora sem lhe dizer nada; Aibellen, uma criada negra, que cria crianças brancas e faz a lida da casa. Trabalha para uma amiga de Skeeter, a Elizabeth; e finalmente temos a Minny, uma criada negra, que esta sempre a ser despedida das casas onde trabalha, por ser demasiado respondona (muito engraçada esta personagem).
Todoa a história retrata as condições de vida e de como era tratados os negros no Mississipi, nos anos 60: desde matá-los por usarem o wc dos brancos (sim, sim era tudo separado), de não poderem frequentar as bibliotecas e as escolas juntamente com os brancos, de maltratarem as criadas domésticas, que lhes criavam os filhos... enfim, algumas passagens são realmente …

Cinema #4

Imagem
Já tinha lido o livro muito antes do filme sair.
A história é simples, mas interessante. 2 pessoas que se conhecem no dia da formatura da Faculdade, e ainda que as suas vidas sigam rumos muito diferentes, vão mantendo sempre o contacto. São os melhores amigos, até que chega a um ponto que não conseguem negar o amor entre eles e casam. Depois de se casarem acontecem mais coisas, mas não vou aqui desvendar tudo.
Gostei do livro, apesar de não ser dos meus preferidos, a história envolve-nos e torna-se uma leitura agradável.
Em relação ao filme, detestei.
Fraquinho, fraquinho. É claro que o filme tem sempre uma grande desvantagem em relação ao livro. Não há tempo para contar tudo, não pode ser tão pormonorizado, etc, etc...
Apesar da Anne Hathaway ser uma das minhas actrizes preferidas achei que o papel dela foi tão "sem sal"... então o dele, que nunca o vi mais magro, nem se fala...
O filme não chega perto daquilo que se sente no livro, ou de como se imagina quando se está a l…

... 3

A semana passada como puderam constatar pelos 2 posts abaixo foi plena de notícias menos boas.
Uma delas chocou-me imenso e andei um pouco perdida durante uns dias, mas já consegui relativizar e mandar piadas sobre o assunto, por isso já estou outra vez no caminho.

Posto isto, aqui a barraca volta à sua emissão normal.